Área: Ciências Exatas
Subárea: Polímeros (tecnologia em Plásticos)

MONOGRAFIAS (2010 a 2018)

ÍNDICE POR AUTORES

ALBUQUERQUE, Vítor de et al. Polipropileno homopolímero: propriedades, caracterização e instrumentação. Orient. Marcos Rogério de SOUZA. São Paulo: FATEC-FOC, 2016. il., color., 660,28 KB.

RESUMO: O presente trabalho trata da caracterização do polipropileno homopolímero, como se comporta após sofrer o processo e o reprocesso em extrusora dupla-rosca, analisando quais impactos traria em relação a propriedade mecânica e óptica ao material. Os ensaios foram realizados após o material sofrer três reprocessos, sendo que cada intervalo entre um processo e outro, uma determinada quantidade de amostra foi separada para análises. Para embasamento técnico foram utilizados como referências alguns artigos e livros de estudos relacionados as propriedades e caracterizações de polímeros. Para caracterização, as análises laboratoriais determinaram as propriedades de tração para avaliação de propriedade mecânica do material. A determinação do ensaio de índice de fluidez e análise via espectrofotômetro infravermelho apresentou resultados para visualização de indícios de degradação no material e análise de OIT para avaliar a resistência oxidativa do material. A determinação dos pontos de fusão e cristalização e da energia de entalpia do material via DSC permitiu observação de mudanças no estado cristalino do material. Análise via espectrofotômetro colorimétrico para visualização de mudanças de tonalidade. Os corpos de prova foram ensaiados conforme normas de ensaios padronizados e os resultados obtidos permitiram analisar como se comporta o polipropileno homopolímero após o seu reprocesso.

PALAVRA-CHAVE: Caracterização - Polipropileno. Homopolímero - Propriedades.

ALEIXO, Marcos Antonio; ZILLIANI, Marcos; SATÉLITE, Weyder dos Passos; QUEIROZ, Marcelo Batista; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Peças termoplásticas injetadas com auxílio de agente de expansão, nitrogênio ou água. São Paulo: FATEC/ FOC, 2006. 72 p., il.

RESUMO: O principal processo de transformação de termoplástico utilizado na indústria automobilística é o processo de injeção. Devido à alta exigência do mercado atual e pelo aumento da escassez de combustíveis fosseis, investe-se cada vez mais em pesquisas de materiais mais leves e processos que alcance o nível de qualidade do mundo globalizado. Há um crescimento maior dos processos especiais de injeção na indústria automobilística que o processo convencional, por possibilitar a fabricação de peças mais leves e com melhor acabamento. Neste trabalho o leitor terá noções de como funciona os processos especiais de injeção e o convencional, quais suas vantagens e desvantagens e acesso a assistência técnica, através da pesquisa de campo realizada em empresas que utilizam tais processos.

PALAVRA-CHAVE: Polímeros. Nitrogênio.

ALMEIDA, Eder Lima de et al. Aplicação do método Canvas na abertura de uma loja de tintas. Orient. Francisco Antonio PEREIRA. São Paulo: FATEC-FOC, 2015. il., color., 1,31 MB.

RESUMO: O plano de negócio é uma ferramenta importante para um candidato a empreendedor elaborar seu plano de ação de maneira clara e organizada. Além disso, disponibiliza a oportunidade de analisar a viabilidade de abertura do novo negócio através de uma pesquisa de mercado. O presente estudo aborda a análise da viabilidade de abertura de um comércio varejista no ramo de pintura na cidade de Itapevi. Na realização deste estudo o autor aponta como se apresenta a nova empresa frente ao mercado, conceito da organização, (fornecedores, clientes e concorrentes), organização do negócio, plano de marketing e vendas, equipe gerencial e plano financeiro, neste trabalho foi possível estabelecer dados sócio-econômicos dos potenciais clientes e mercadológicos onde apontam suas preferências e comportamento no momento de compra. Por fim, o plano de negócio apresenta as conclusões realizadas por meio da análise dos resultados da pesquisa, onde foi possível verificar a viabilidade de abertura do novo empreendimento, que apresentou um alto grau de interesse da região nos produtos que serão disponibilizados pela loja.

PALAVRA-CHAVE: Plano de negócio. Loja de tintas. Empreendedorismo.

ALMEIDA, Odair José Albrigo de et al. SBR - propriedades, caracterização e processos de instrumentação. Orient. Flávia Gerjoi BEZERRA. São Paulo: FATEC-FOC, 2016. il., color., 702,81 KB.

RESUMO: O SBR, elastômero composto pelos monômeros de butadieno e estireno, consome praticamente 55% de todo butadieno produzido pelas petroquímicas. A produção do SBR é obtida através do processo de copolimerização uma média de 90% por emulsão, onde é possível alcançar propriedades como estabilidade dimensional, cor clara, resistência ao rasgamento, resistência à abrasão, etc. O SBR pode ser comercializado como óleo extendido sendo sua composição em torno de 50% de plastificante e apenas 50% borracha, barateando o custo do material e, pode ser comercializado como masterbatches onde o composto terá a presença de negro de fumo em sua composição. Suas principais aplicações são em compostos para vedação, pneus, adesivos, ou aplicações como borracha de uso geral podendo substituir a borracha natural.

PALAVRA-CHAVE: Elastômero. SBR. Vulcanização. Propriedades - Borracha. Polimerização. Emulsão - Controle de processo.

ALMEIDA, Odair José Albrigo de et al. Síntese e propriedades da polisulfona (PSU). Orient. Marcos Rogério de SOUZA. São Paulo: FATEC-FOC, 2015. il.,color., 513,71 KB.

RESUMO: O polímero Polisulfona (PSU) é classificado como um termoplástico de engenharia de alto desempenho. Essa família de material é assim definida pelo elevado custo e pelas altíssimas propriedades mecânicas, térmicas e químicas. Esses polímeros de alto desempenho foram desenvolvidos para condições adversas, por isso são indicados quando as condições de trabalho são extremamente agressivas, ou seja, desenvolvidos para uso em temperaturas extremas e mantendo suas boas características mecânicas, alta estabilidade dimensional, além disso, podemos acrescentar as polisulfonas à característica de alta transparência, alto isolamento elétrico e elevada retardância à chama, ou seja, baixa velocidade de queima. Portanto, a polisulfona é utilizada apenas peças que necessitem de alto desempenho de suas matrizes poliméricas. Logo, encontramos muitas vezes o PSU e sua extraordinária versatilidade, característica que o torna único entre os polímeros de engenharia sendo utilizado em projetos associados as indústrias aeronáutica, aeroespacial, naval e automobilística que necessitem de altas respostas mecânicas em uma elevada temperatura de trabalho, processos em que os plásticos de engenharia de uso geral, tais como, policarbonato e polioximetileno não atendem aos requisitos necessários ao projeto. O seguinte trabalho dará ênfase à síntese do polisulfona (PSU) e suas propriedades devido a estrutura química do polímero, dando ênfase ao comportamento mecânico deste material de engenharia.

PALAVRA-CHAVE: Síntese e Transformação - PSU. Reações orgânicas - Polisulfona (PSU).

AMBROSIO, Matheus; COSTA, Amanda Moares; GARY, Bruno Caravelas. Projeto superação: melhoria contínua. Orient. Francisco Antonio PEREIRA. São Paulo: FATEC-FOC, 2015. il., 1,27 MB.

RESUMO: O objetivo é acompanhar o Projeto de Inovação e Empreendedorismo de uma empresa, processo ou produto, bem como as partes que o compõe. Para abordar o assunto desenvolvido durante todo o semestre, criou-se o projeto Superação, que tem por finalidade planejar e colocar em prática uma empresa de consultoria em melhoria contínua para o segmento de embalagens flexíveis aplicando as metodologias: Kaizen, 5S, TPM, WCOM, 6sigmas etc. O foco específico em embalagens flexíveis deve-se ao fato de ser um setor em ascensão no mercado mundial, outro ponto, é que na pesquisa de mercado não encontramos nenhuma empresa específica de melhoria contínua no setor de embalagens flexíveis. A ascensão das empresas deste setor traz consigo a vontade de melhorar seu desempenho, tanto em lucratividade como em produtividade, e a melhoria contínua, quando aplicada adequadamente, proporciona para a empresa resultados significativos a um médio e longo prazo. Planejar uma empresa envolve diversas pesquisas. Ter uma ideia de um serviço ou produto inovador pode até ser simples se comparado ao trabalho que tem-se posteriormente a ideia, ou seja, como fazer para concretizá-la, para se tornar uma empresa de sucesso. Para isso utilizam-se recursos que facilitam este trabalho, sendo eles: Canvas, Plano de Negócio, Análise de Swot, entre outros, possibilitando melhor entendimento e planejamento para a empresa e/ou produto.

PALAVRA-CHAVE: Melhoria contínua. Empreendedorismo. Inovação empresarial.

ARAÚJO, Adriana Bezerra; JESUS, Juliana Gonçalves de; SANCHEZ, Natalia; SILVA, Suellen Nunes da; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Acessório para acondicionar fones de ouvido. Paulo: FATEC/ FOC, 2012. 70 p., il.

RESUMO: Este projeto visa desenvolver um porta fones de ouvido de material termoplástico resistente para fones dos tipos earbud e intra-auriculares, visando protegê-los de bactérias e impurezas do meio através da adição de aditivo antibacteriano no material e também evitar a quebra dos fios. O produto será feito em duas partes, tampa e recipiente, e ainda haverá a possibilidade de anexar este porta fones em um chaveiro facilitando a portabilidade, cuja aprovação será definida em pesquisa. O produto terá um design diferenciado e será vendido por um preço determinado em pesquisa de campo. A ideia é fazer com que o produto seja eficiente, e tenha boa aceitação no mercado por pessoas de diferentes faixas etárias, culturas e estilos.

PALAVRA-CHAVE: Fone de ouvido. Termoplásticos. Armazenamento.

BERNARDO, Romildo Campos; SILVA, Ricardo Pereira da; TEIXEIRA, Marcelo Fernandes; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Kit para refresco "Thermo Chroma". São Paulo: FATEC/ FOC, 2012. 67 p., il.

RESUMO: O empreendedor precisa de informações que ajude a mapear com mais clareza possível, suas características, tais como qualidade, preço, acabamento, durabilidade, funcionalidade, embalagem, porte, qualidade no atendimento, facilidade de acesso, forma de apresentação do mercado. Todo novo empreendimento exige um grau de relacionamento de decisões no que se diz respeito a sua informação, no qual suas decisões estão baseadas como no que se referem suas consequências. A pesquisa mercadológica é uma ferramenta de orientação para as decisões. Isso significa que a pesquisa deve ser aplicada somente quando o seu resultado contribuir para a diminuição da incerteza ou influências de produzir ou não produto. Tendo em vista a atender o objetivo de ingressar no mercado de utensílios domésticos, o kit "Thermo Chroma" é um utensílio diferente dos demais, pois tem o diferencial de sinalizar, através de cor, a temperatura de um líquido nele contido. Este produto torna-se interessante, pois não há similares no mercado nacional, o que torna sua aplicação, em diversos locais, extremamente interessantes, além de prático, tendo em vista a possibilidade de mensurar a temperatura do líquido nele contido, mesmo que de forma qualitativa.

PALAVRA-CHAVE: Polímeros. Polipropileno. Termocrômico. Masterbatch.

CARVALHO, Jefferson Custodio de et al. Silicone: propriedades, caracterização e processos de instrumentação. Orient. Wanderley da COSTA. São Paulo: FATEC-FOC, 2016. il., color., 2,99 MB.

RESUMO: Esse trabalho de conclusão de módulo tem por objetivo apresentar uma base de processos de caracterização e instrumentação de materiais poliméricos. O mesmo foi direcionado ao silicone (polidimetilsiloxiano com sílica pirogênica). No decorrer deste trabalho serão apresentados alguns tipos de análises atuais utilizados para identificar a conformidade do produto, de acordo com as especificações determinadas com as normas condizentes. Os ensaios permitem a identificação das propriedades mecânicas.

PALAVRA-CHAVE: Polidimetilsiloxano. Silicone - Caracterização e instrumentação.

CARVALHO, Jefferson Custodio de; DANTAS, Michelle da Silva; SILVA, Nelson Felix da. Adesivos estruturais. Orient. Wanderley da COSTA. São Paulo: FATEC-FOC, 2016. il., color., 1,17 MB.

RESUMO: Através deste trabalho, pretendemos discorrer de maneira sistemática sobre um pouco do universo dos adesivos estruturais para compósitos, com ênfase na indústria automobilística e algumas citações de como pode ser bem utilizável na indústria aeronáutica. Serão apresentados pontos importantes, desde a história dos adesivos, conceitos fundamentais, tipos de adesivos e suas famílias, teoria envolvida para obtenção do adesivo, processo de tratamento de superfícies, métodos e lugares onde pode ser mais bem aplicado, processos de cura e quais são suas principais vantagens e desvantagens. Importante ressaltar como a humanidade evoluiu no campo de adesivos desde suas primeiras experiências há quatro mil anos A.C, utilizando cimentos betuminosos para unir ossos de marfim em estatuas da babilônia, até os dias atuais onde temos adesivos estruturais com tipos de resistências jamais imaginados pelo homem até então, sendo possível a união de matérias diferentes com uma facilidade incrível e qualidade superior se compararmos a adesivos utilizados há cem anos por exemplo.

PALAVRA-CHAVE: Adesivos estruturais - Qualidade.

CATALANI, Marcio et al. Gestão e negócios da produção de masterbatch. Orient. Francisco Antônio PEREIRA. São Paulo: FATEC- FOC, 2015. il., color., 708,33 KB.

RESUMO: O trabalho tem como objetivo apresentar a gestão de negócios e produção de Masterbatch para diferentes tipos de matrizes poliméricas. O Masterbatch tem ampla participação no mercado de transformação de polímeros, mas a proposta do trabalho é ampliar assuntos relacionados a gestão de negócios da produção. Nesse trabalho veremos alguns tópicos necessários para criação e administração de uma microempresa no ramo de Masterbatch, sua forma de relacionar com os clientes, análise de mercado, planos de marketing, parceiras, processo de produção, gestão de logística estrutural, fluxos de receitas e estrutura de custos, para ver a viabilidade do negócio.

PALAVRA-CHAVE: Gestão e negócios. Masterbatch.

CELESTINO, Marcus Vinicius; GAMA, Alex Sandro Nunes; VALE, Kleber Barreia do. Estudo fabril de embalagens para bebidas carbonatadas - PET. Orient. Wanderley da COSTA. São Paulo: FATEC-FOC, 2017. il., color., 1,70 MB.

RESUMO: Este trabalho tem como objetivo apresentar as análises necessárias para a abertura de uma empresa na área de embalagens, estando apresentado ferramentas administrativas, canvas, análise de SWOT, planos de negócios e outros pontos a se considerar nos estudos para a abertura de uma empresa neste segmento, também foram propostos investimentos necessários com máquinas e materiais em geral, assim como necessidades de uma instalação para receber este tipo de pátio fabril. Foi também considerado de maneira estratégica alguns parceiros como fornecedores e alguns segmentos de prestação de serviço para garantir uma gestão com mais suporte e eficiência de todos os indivíduos envolvidos neste projeto.

PALAVRA-CHAVE: Bebidas carbonatada. Embalagem para refrigerante. PET. Canvas. Plano de Negócios.

COSTA, Amanda Moraes et al. Masterbatch de antifibrilante base PP. Orient. Marcos Rogério de SOUZA. São Paulo: FATEC-FOC, 2016. il., color., 1,40 MB.

RESUMO: O objetivo do Trabalho de Conclusão de Módulo foi entender como funciona um Masterbatch com Antifibrilante, podendo assim desenvolver uma fábrica do mesmo. Para abordar o assunto desenvolvido durante todo o semestre, foi criada uma grande base de dados com artigos, livros, conhecimentos técnicos de especialistas e materiais próprios de revendedores sobre antifibrilante, analisados e dissertados pelo grupo. Para conseguir realizar este produto, o grupo precisou entrar em contato com diversas fábricas citadas ao longo do trabalho, para entender como está o mercado atual de antifibrilantes e quais melhorias seriam possíveis para a aplicação final de ráfia.

PALAVRA-CHAVE: Masterbatch. Antifibrilante - Fabricação.

COSTA, Amanda Moraes; GARY, Bruno Caravelas; SILVA, Marivalda Sampaio da. Síntese do polímero peek. Orient. Daliana Gomes Borges. São Paulo: FATEC-FOC, 2015. il.,color., 1,03 MB.

RESUMO: Nesse trabalho será apresentado um estudo sobre uma síntese do polímero poliéter-éter-cetona (PEEK). Será apresentado à revisão bibliográfica das características principais aspectos do polímero, posteriormente será apresentada uma rota de síntese possível aplicável na indústria. O polímero de engenharia PEEK possui características muito próprias e exclusivas, durante o trabalho as mesmas foram destacadas, como exemplos: compósito polimérico com hidroxiapatita (HA) que é um componente inorgânico dos ossos e dentes que é capaz de promover o crescimento de um novo tecido ósseo sobre o implante a partir dos tecidos ao redor do mesmo, estabilizando a prótese em um curto período de tempo. Devido às essas características possui um valor de compra e processamento muito caro em relação a outros materiais de Engenharia. A síntese do PEEK foi iniciada através da retrossíntese, obtivemos os dois monômeros do PEEK: 1,4-bi (fenolato) de sódio e Bi (4-fluorfenol) metanona. Através de uma polimerização por condensação dos monômeros com o catalisador DPS, temos como resultado o PEEK.

PALAVRA-CHAVE: PEEK. Poliéter-Éter-Cetona. Polímero Peek - Síntese e propriedades.

CRUZ, Emerson Felipe da Silva et al. Plano de negócios: embalagens coex para suprir novas necessidades do mercado. Orient. Wanderley da COSTA. São Paulo: FATEC-FOC, 2015. il.,color., 935,37 KB.

RESUMO: O presente trabalho apresenta as embalagens COEX que através da coextrusão em multicamadas são processadas com a finalidade de acondicionar produtos específicos, de alto custo e necessitam de proteções especiais contra alguns agentes a fim de evitar uma possível deterioração através do contato com oxigênio, por exemplo. Suas principais aplicações são na linha alimentícia, cosmética, farmacêutica e química. Especificamente apresentaremos neste trabalho a possível realização da abertura de uma fábrica para a produção das embalagens COEX, estas serão voltadas para quatro nichos de mercado: alimentício, cosmético, farmacêutico e químico, onde a embalagem torna-se um elemento fundamental na preservação deste produto. Através de algumas ferramentas como o Canvas, um plano de negocio foi elaborado para a viabilização da produção em escala industrial da embalagem COEX a fim de substituir materiais já utilizados pela indústria que não tem um desempenho satisfatório, agregando assim valor ao produto de novos clientes e justificando a necessidade de embalagens com poder maior de barreira e versatilidade na indústria de transformação.

PALAVRA-CHAVE: Coex. Canvas. PDCA. Polietileno.

DIAS, Clayton; AMADEU, Eliel; DIDIO, Robert Joseph (Orient.) et al. Desenvolvimento de material biomédico como matriz para engenharia de tecidos. São Paulo: FATEC/ FOC, 2008. 150 p., il.

RESUMO: Devido à versatilidade de propriedades, processabilidade, custo acessível e tolerância biológica têm-se verificado uma utilização crescente de sistemas poliméricos em aplicações biomédicas, As pesquisas relacionadas à engenharia de tecidos, que consiste em um conjunto de conhecimentos e técnicas para a reconstrução de novos órgãos e tecidos, vêm promovendo atualmente a descoberta de diversos materiais poliméricos naturais e sintéticos com base em inúmeras fontes. No presente trabalho, foi desenvolvido um material biomédico utilizando-se uma matriz polimérica natural capaz de regenerar tecidos que apresentam patologias ou traumas, com a intenção de contribuir com a demanda de pesquisas relacionadas a essas tecnologias relativamente novas, aonde a utilização de polímeros inteligentes vêm apresentando um grande potencial comercial.

PALAVRA-CHAVE: Polímeros. Engenharia de tecidos. Biomateriais. Celulose bacteriana. Biocelulose.

FERREIRA NETO, Eduardo. Empresa para fabricação de bandas de isolação térmica. Orient. Francisco Antonio PEREIRA. São Paulo: FATEC-FOC, 2015. il.,color., 612,31 KB.

RESUMO: Costuma-se erroneamente associar o uso do petróleo com o advento da revolução industrial, entretanto indícios dão conta de que os egípcios já utilizam o produto para embalsamar os mortos já na idade antiga. O processo de exploração do petróleo no Brasil data dos anos 30 quando da primeira exploração na Bahia, partindo da simples observação do engenheiro agrônomo Manoel Inácio de Basto que moradores do bairro de Lobato na periferia de Salvador usavam uma "lama preta" para utilizar como combustível de suas lamparinas. Ao longo das décadas houve uma intensa corrida na inovação tecnológica para buscar soluções, para o processo de extração de petróleo no país. As técnicas de extração recaem de sobre maneira no sistema e no local aonde vai ocorrer o evento, sendo assim quando se fala sobre extração de petróleo abre-se oportunidades para novos negócios e por consequência criação de empresas que estarão compondo uma vasta cadeia de companhias que atuam no seguimento de extração. Neste sentido, será apresentada neste trabalho a criação de uma empresa que atuará na fabricação nas bandas de isolação térmica feita por processo de extrusão de plástico, produto de extrema importância para a fabricação dos tubos de extração de petróleo. Foi abordado de forma objetiva analise de mercado, plano de marketing, plano operacional, plano financeiro e plano de negócios.

PALAVRA-CHAVE: Extração de petróleo. Isolação térmica. Plano de negócios.

FERREIRA, Avelar Alves; SANTOS, Carlos Eduardo Porfirio dos; VITORINO, Fabiano Ghirlanda; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Desenvolvimento de uma mesinha para automóveis utilizando um material termoplástico reforçado com fibra de sisal. São Paulo: FATEC/ FOC, 2009. 68 p., il.

RESUMO: Este trabalho apresenta todo processo, divididos por etapas para o desenvolvimento de um produto novo. Inicialmente damos uma geral sobre polímeros, passando pelos processos de transformações. Nosso projeto mostrará todas as etapas no lançamento de um produto novo ao mercado. Nosso produto se trata de uma mesinha para automóveis, para facilitar o consumo de lanches, como por exemplo, ao ir a um drivethru. Optamos pela ideia de confeccioná-la com um compósito de polipropileno, com a incorporação de 30% de fibra de sisal, na qual garantirá algumas características como melhor desempenho mecânico, possuir baixo custo e ser de fonte renovável. No Brasil a utilização de fibras vegetais na indústria automobilística e de construção civil está tomando novo impulso, embora as técnicas de fabricação desses compósitos ainda sejam incipientes, demoradas e pouco produtivas. No desenvolvimento do produto, o desenvolvimento da peça é descrito com clareza, passando por cada etapa empregada, até a produção final. A pesquisa de campo foi necessária para a coleta de informações junto ao consumidor, ou seja, quando realizada corretamente, a pesquisa oferece informações consistentes, que tornam o processo decisório, mais rico e precioso para lançar um produto ao mercado.

PALAVRA-CHAVE: Conceitos de polímeros. Moldagem por injeção. Base teórica e tecnológica.

FERREIRA, Carolina Alessandra Carvalho Jatahy; HOLANDA, Jéssica Mendes da Cunha; MOTA, Alex Correia; SILVA, Carla Borghi; OLIVEIRA, José Mauro Diniz de (Orient.). Coletor de dejetos (cocoletor). São Paulo: FATEC/ FOC, 2012. 154 p., il.

RESUMO: O projeto envolve o desenvolvimento de um coletor de dejetos animais, que será produzido em material plástico e terá a finalidade de facilitar os donos de cães de estimação que passeiam com seus animais em parques, ruas, praças e até condomínios. O conceito do seu desenvolvimento é o conforto para os donos de cães, já que não será necessário entrar em contato com o dejeto animal para recolhê-lo do chão. Outro aspecto importante do desenvolvimento deste projeto é o lado ambiental, pois, não ficarão dejetos de cachorros na rua tornando a cidade mais limpa e saudável.

PALAVRA-CHAVE: Dejetos animais. Cidade limpa. Animal de estimação.

FERREIRA, Hudson Junio; PAZ, Jailson da Silva; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Desenvolvimento de embalagem utilizando polímero biodegradável polihidroxibutirato (PHB) para a indústria de cosméticos. São Paulo: FATEC/ FOC, 2008. 121 p., il.

RESUMO: Os polímeros estão crescentemente sendo utilizados nas mais diversas aplicações, em especial na indústria de embalagens. Esse aumento na demanda fez com que se tenha aumento no nível de poluição, gerados pelos resíduos sólidos descartados inadequadamente e pelo processo de fabricação da matéria prima, que no caso provem da indústria petroquímica. A atual procura por materiais ecologicamente corretos leva-nos a criar uma alternativa para substituir as atuais embalagens plásticas, por polímeros biodegradáveis, que possuam a vantagem de se degradar no solo sem agredir o meio ambiente; em tempo relativamente curto se comparado às outras resinas comercializadas hoje no mercado. Nesse trabalho procurou se desenvolver uma embalagem (pote) de polímero biodegradável polihidroxibutirato (PHB) para a indústria de cosméticos, baseando-se nas atuais embalagens hoje disponíveis no mercado, foram levantadas informações sobre características químicas e físicas do PHB, o PHB foi comparado com outras resinas para ser avaliado suas propriedades químicas e mecânicas, foram levantadas informações sobre o mercado da indústria de cosméticos, características das embalagens, foi avaliado qual viabilidade comercial do produto, qual o processo mais adequado para a produção do produto, foi especificado suas dimensões e seu respectivo designo. A conclusão que chegamos nesse trabalho é que o PHB não inviável para a tal aplicação, porém nos níveis de produções atuais e sua tecnologia emergente, acabou sendo um empecilho; pois foi possível obter amostra do produto e concluir o projeto.

PALAVRA-CHAVE: Polímeros. Embalagens. Cosméticos. Polímero biodegradável.

FREDERICHE, Eduardo José; OLIVEIRA, Edevaldo Alves de; SILVA, Hevair Jakson da. Masterbatches brancos em base de polietileno. Orient. Claudio Roberto PASSATORE. São Paulo: FATEC-FOC, 2016. il., color., 1,21 MB.

RESUMO: O trabalho tem como objetivo apresentar a síntese, propriedades e processamento do Poliarilamida, a proposta em si, é abranger a descoberta e a origem do desenvolvimento de materiais poliméricos até chegarmos ao polímero apresentado, os conceitos básicos referentes a estruturas moleculares, tipos de cadeis, arranjo molecular, taticidade, ligações químicas entre polímeros, isomeria, comportamento térmico e mecânico dos materiais e os processos de polimerização, suas propriedades em estado sólido, seus processos de obtenção e transformação para então compreender com maior embasamento e ampliar os assuntos relacionados. Nesse trabalho foi analisado alguns tópicos necessários para tomar conhecimento do histórico dos materiais poliméricos, desde a sua descoberta até os dias de hoje, entenderemos o conceito de polímeros em geral e quais os fatores cruciais desde o seu processo de obtenção, quanto a processo químico quanto ao processo industrial e o que a molécula formada poderá trazer de propriedades ao material pois a estrutura de cada polímero tem influencia direta sobre a sua densidade e suas propriedades mecânicas e quais os tipos de necessidades estas propriedades são capazes de atende e quais tipos de aplicações é possível de encontrar hoje no mercado levando em consideração os processos que se adequam ao polímero em questão.

PALAVRA-CHAVE: Poliaramida. Poliamida aromática. Poliarilamida. Kevlar® - Sintese.

LIMA, Edmilson da Silva; NUNES, Hélio A lves; HIRATA, Orlando; SANTOS, Valter Lins Pedro; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Cabo para vassoura em PP reciclado. São Paulo: FATEC/ FOC, 2009. 127 p., il.

RESUMO: Este projeto destina-se a fabricação de cabo de vassouras e afins utilizando polímeros (Polipropileno) reciclado, visando o seu reuso, ou seja, o cabo poderá ser utilizado inúmeras vezes antes do descarte, podendo ainda ser totalmente reciclado. Favorecerá o usuário quando da compra do produto, já que este não terá incomodo do transporte dos cabos do ponto de venda até sua residência. Onde mostramos as inúmeras características do polipropileno através de ensaios elaborados em software CAD, com isso podemos demonstrar que ele apresenta excelentes propriedades mecânicas, boa flexibilidade e rigidez necessária, baixa densidade deixando o produto leve e de fácil manuseio, proporcionando conforto e segurança ao usuário. O produto, devido ao uso de polipropileno reciclado reduzirá o consumo de madeira e metal, contribuindo assim com o meio ambiente.

PALAVRA-CHAVE: Cabo de vassoura. Polipropileno reciclado. Polímeros.

LIMA, Lucas Alves de; SANTOS, Gabriel Espanhol. Elaboração de empresa fabricante de bolsas de sangue do tipo mãe - CPDA 1. Orient. Flávia Gerjoi BEZERRA. São Paulo: FATEC-FOC, 2017. il., color., 1,03 MB.

RESUMO: O mercado mundial de produtos médicos e saúde é um importante consumidor de materiais poliméricos. A demanda anual em 1999-2000 excedeu um milhão de toneladas. Os principais centros de fabricação são a Europa Ocidental, os EUA e o Japão, que entre eles consomem cerca de 185 mil toneladas na produção principalmente de dispositivos médicos pré-esterilizados de uso único. Para este fim os compostos devem ser de baixa toxicidade e cumprir requisitos especiais das autoridades reguladoras relacionadas com a fabricação de dispositivos médicos (BLASS, 2001). O uso de plásticos na área médica é importante pelas vantagens que os polímeros oferecem, substituindo materiais concorrentes de outros segmentos. Os fatores que contribuem para isso são: menor massa das peças confeccionadas em resinas, maior liberdade no desenho e uma resistência mecânica e química superior. É importante lembrar que 45% de todos os dispositivos utilizados no segmento médico são feitos de plástico (SOUZA; et al. 2014).No seguimento hemoterápico o poli(cloreto de vinila) (PVC) é o principal polímero, próprio para fabricação de Bolsas de sangue que são produzidas com 100% da resina (VERCEZE, 2006) (UNIPAR CARBOCLORO, 2017). Esse ramo caracteriza-se por necessidades muito particulares, como a capacidade do material de sofrer esterilização e a compatibilidade com fluidos e tecidos humanos. Uma grande parte das aplicações utiliza matérias-primas de maior desempenho e valor agregado, porém são negócios que oferecem margens atraentes, embora os volumes comercializados correspondam a uma pequena fração dos volumes consumidos em segmentos como o automotivo, o eletroeletrônico e o de embalagens (SOUZA; et al. 2014). O pioneiro no uso de PVC para este fim foi Carl Walter em 1949 e desde então várias formulações plásticas têm sido usadas para melhora-lo como biomaterial de contato (ZHAO; COURTNEY, 2009). A produção hemoterápica nacional no período de 2010 a 2014, teve uma média anual de 3.914.513 candidatos à doação de sangue. Apesar de atualmente o número de doadores refletir apenas 1,8% da população, o Brasil ainda é considerado referência em doação de sangue na América Latina, Caribe e África. Segundo a recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS), a doação de sangue deve atingir 1% da população (GOVERNO DO BRASIL, 2017). Só na grande região de São Paulo a Fundação Pró-Sangue (FPS) coleta e processa mensalmente cerca de 12.000 bolsas de sangue destinadas ao atendimento de cerca de 100 instituições públicas da rede estadual de saúde, entre elas o Hospital das Clínicas, o Instituto do Coração, o Instituto do Câncer de São Paulo, o Hospital Dante Pazzanese. O volume de sangue coletado pela FPS equivale a aproximadamente 32% do sangue consumido em toda a Região Metropolitana de São Paulo (PROSANGUE, 2017).

PALAVRA-CHAVE: Bolsas. Coleta de sangue. PVC.

LOPES, Allan Gustavo Segura; GALVES, Beatriz Marques; DIDIO, Robert Joseph (Orient.) et al. Utilização do composto de polipropileno com sílica para coletor do sistema de aquecimento solar. São Paulo: FATEC/ FOC, 2009. 99 p., il.

RESUMO: Devido aos problemas com resíduos ambientais em nosso planeta, pelo uso abusivo de fontes não renováveis e com as constantes degradações do meio ambiente, houve a necessidade de se buscar alternativas viáveis que diminuam ou eliminem tais fatores. A utilização de cargas ecologicamente corretas e renováveis tem sido objeto de estudos em diversas pesquisas para que possam atender as especificações, versatilidade de propriedades, processabilidade e custo acessível em compostos poliméricos. No presente trabalho foi desenvolvida uma placa coletora de aquecimento solar com a sílica obtida das cinzas da casca do arroz em polipropileno, capaz de reduzir o custo do produto, tornando-o um grande potencial comercial, possibilitando a aquisição do sistema de aquecimento solar por diferentes classes sociais.

PALAVRA-CHAVE: Polipropileno. Cargas e aditivos. Extrusão de chapa.

ABSTRACT: According to the problems with environmental waste on our planet, the misuse of non-renewable resources and the constant degradation of the environment, there is a need to find alternatives that reduce or eliminate such factors. The use of ecologically responsible and renewable filler materials has been the subject of several research studies in an attempt to improve the specifications, versatility of properties, processability and cost-effectiveness in polymeric compounds. In the present work a collector plate for solar heating of water, was developed using silica derived from rice husk ash in polypropylene, thus reducing the cost of the final product and making solar water heating accessible for different social classes.

MARIN, Dorival; FIGUEIREDO, Elias Santos; DIDIO, Robert Joseph; ZILIANI, Marcos Rogério (Orient.) et al. Desenvolvimento do módulo com gaveta para monitores. São Paulo: FATEC, 2010. 135 p., il.

RESUMO: O projeto visa desenvolver um produto em forma de um módulo com gaveta para monitor. Inicialmente, utilizaremos o poliestireno, com percentual de matéria prima recuperada, tendo as suas dimensões suficientes para comportar um monitor de computador em sua base, além de compactar espaços, aperfeiçoar, e organizar documentos e acessórios de pequeno porte de uso comum. Permitirá também ajustes e regulagem de altura, retirando ou acrescentando mais módulos para atender à correta postura de um usuário à frente de um monitor. Será utilizado um percentual de material reciclável na formulação da matéria prima. Além disso, o produto será disponibilizado em algumas cores, e com duas medidas de altura.

PALAVRA-CHAVE: Módulo para monitor com gaveta. Poliestireno. Regulagem de altura.

MARTIN, Marcelo; ZILLIANI, Marcos; PAULA, Márcio de; PEREIRA, Walber Luiz; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Composto de polietileno de alta densidade e fibra de arroz para a fabricação de tampas de segurança para bebidas alcoólicas destiladas. São Paulo: FATEC/ FOC, 2006. 98 p., il.

RESUMO: O desenvolvimento de um novo material requer princípios, diretrizes ou critérios para que se possam assegurar a qualidade e a segurança de qualquer produto. O desenvolvimento de um trabalho voltado para o ramo alimentício é muito complexo, pois está ligado diretamente com a saúde de cada consumidor e quando falamos de qualidade, uma série de estratégias se faz necessária para que o processo de um projeto esteja a contento. Por esses e outros fatores, buscamos fazer nesta pesquisa várias etapas, as quais citaremos a pesquisa de campo, pesquisa experimental, a pesquisa exploratória, os resultados, as discussões e ainda indicações de utilização deste novo material composto. Em linhas gerais, foi feito um polímero de nome polietileno de alta densidade com certas quantidades pré-determinadas de fibra de arroz. O projeto envolveu pessoas do corpo docente, de órgãos governamentais, de empresas do ramo de fabricação de tampas e ainda de escolas profissionalizantes, cada qual com uma imensa importância para o crescimento e aprimoramento deste trabalho. O estudo deve contribuir para novas pesquisas sendo capaz de aprimorar ou expandir as observações concluídas ao final do assunto, sem esquecer a reciclagem de material, que é um fator primordial nos dias de hoje.

PALAVRA-CHAVE: Polímeros. Polietileno.

MOTA, Paulo Sérgio Vieira; RIBEIRO, Mayra; SILVA, Anselmo Venancio; SILVA, Marcos Teixeira da; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Cápsula multifuncional para guarda-chuva. São Paulo: FATEC/ FOC, 2012. 119 p., il.

RESUMO: A realização deste projeto consiste em uma análise e planejamento para a produção de uma cápsula multifuncional para guarda-chuva. O presente trabalho tem como objetivo um estudo para o desenvolvimento do produto, com a utilização de um polímero como matéria-prima. Neste projeto realizamos um mock-up do produto e o molde em 3D, para posterior análise da escolha de matéria-prima a ser utilizada na confecção deste, considerando suas propriedades mecânicas, térmicas e químicas inerentes à forma e aplicação final do produto, o cálculo do preço de custo e pesquisa de mercado, para projeção da viabilidade do produto.

PALAVRA-CHAVE: Cápsula multifuncional. Guarda-chuva.

QUINARI JUNIOR, Cláudio José; MENG, Everton; SANTOS, Felipe Gomes Moreira dos; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Suporte para máscaras antivirais. São Paulo: FATEC/ FOC, 2010. 90 p., il.

RESUMO: Este projeto destina-se ao desenvolvimento de um suporte para máscaras antivirais feito de polipropileno reciclado pelo método de moldagem por injeção, visando auxiliar o usuário de transportes coletivos a prevenir-se de epidemias de contágio por via aérea.

PALAVRA-CHAVE: Suporte. Máscaras. Polipropileno.

RAMOS, Fabiana; MOTTA, Mauro; SUEL, Max; RODRIGUES, Renan; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Desenvolvimento de produtos para suporte e fixação de guarda-sóis. São Paulo: FATEC/ FOC, 2007. 110 p., il.

RESUMO: Este trabalho de conclusão de curso é de extrema importância, pois trata de todo o desenvolvimento de um produto novo. Iniciamos com a nossa ideia de fazer um suporte de fixação de guarda-sóis para posteriormente verificarmos passo a passo cada etapa do desenvolvimento e preparação para este produto ser lançado no mercado. Cada detalhe é importante, desde a matéria-prima, processo de transformação, reciclagem e pesquisa. Este produto é sem duvida inovador, prático de ser utilizado e se tornará mais um acessório indispensável para ser levado á praia.

PALAVRA-CHAVE: Guarda-sol. Suporte e fixação de guarda-sóis. Polímeros.

RESENDE, Thiago de Oliveira; ROCHA, Fernando dos Santos. Síntese polimérica polieterimida. Orient. José Mauro Diniz de OLIVEIRA. São Paulo: FATEC-FOC, 2016. il., color., 861,36 KB.

RESUMO: Esse trabalho de conclusão de curso semestral tem como objetivo principal de apresentar umas das rotas possíveis para realizar uma síntese do polímero polieterimida, que é um material termoplástico amorfo. Os polímeros de engenharia especial de alto desempenho tem um papel fundamental no desenvolvimento do Mundo e no correr de sua historia. Suas características e propriedades são de extrema importância para o desenvolvimento de novos projetos, onde existe a necessidade de propriedades especiais e características que possam garantir a segurança das pessoas que irão usufruir das tecnologias desenvolvidas pelo homem. A exemplo disso temos os sistemas de luzes interna de aviões que necessitam de um polímero especial em razão da necessidade de numa possível situação de fogo evitar gases tóxicos e grandes níveis de fumaças. Ao longo dos anos essas necessidades estão surgindo com maior grau de importância aliada ao conhecimento do homem que também está em evolução. Sendo assim ao longo desse trabalho serão mencionadas as propriedades da polieterimida, suas caraterísticas e sua síntese química.

PALAVRA-CHAVE: Polieterimida. PEI. Polímero. Plásticos de Engenharia.

RODRIGUES, Christian Carlos; CRUZ, Fernando Santos da; DIDIO, Robert Joseph (Orient.) et al. Desenvolvimento de um cabide de resina termoplástica para utilização em automóveis de passeio (cabide car). São Paulo: FATEC/ FOC, 2009. 100 p., il.

RESUMO: Mostraremos neste projeto toda a pesquisa para colocarmos um produto novo no mercado e exemplificá-lo através de um protótipo. O Cabide Car® é um produto inovador que será acoplado ao encosto de cabeça de bancos dianteiros de automóveis de passeio, o que permitirá a organização de suas roupas, sem prejudicar a visibilidade e o conforto, demonstrando assim uma maior praticidade e segurança aos usuários. Gostaríamos, primeiramente, de divulgar nosso produto no estado de São Paulo para posteriormente explorarmos outros mercados. Mostraremos nesse projeto, todas as etapas de desenvolvimento desse produto, desde matéria-prima, protótipo, processo de produção, enfim toda metodologia empregada. Visualizamos então, uma grande oportunidade de produzir um conjunto, confeccionado com material termo plástico, garantindo leveza, qualidade, aliado a um baixo custo, que após montado em seu automóvel, dará outro sentido ao organizar suas roupas.

PALAVRA-CHAVE: Processos de transformação de polímeros. Termoformagem. Cabide.

SANTANA, Alex; WILLIAM, Erick Roza; DIDIO, Robert Joseph (Orient.) et al. Desenvolvimento de filme polimérico a base de colágeno (gelatina). São Paulo: FATEC/ FOC, 2011. 85 p., il.

RESUMO: Este projeto visa o desenvolvimento de um filme polimérico a base de colágeno com o objetivo principal de conservar e inibir o processo de degradação em frutas, que hoje no Brasil é algo em torno de 35% da produção. Além de proporcionar um aspecto visual à fruta mais atrativo, outro ponto de extrema importância na atualidade é o fato de o filme ser biodegradável, sendo decomposto na natureza em menos de um mês. O foco desse projeto será na cidade de São Paulo, onde se concentra um grande mercado consumidor de frutas. Como Mercados municipais, Feiras, Hipermercados entre outros.

PALAVRA-CHAVE: Filme plástico. Polímero natural. Frutas. Biodegradável. Colágeno.

SANTOS, Alanderson Ramos dos; DINIZ, Anderson da Silva; FERREIRA, Carlos Sílvio; TIAGO, Moreira Lisboa; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Desenvolvimento de um recipiente para filtrar e armazenar óleo vegetal comestível pós-uso, para ser destinado à reciclagem. São Paulo: FATEC/ FOC, 2009. 212 p., il.

RESUMO: O desenvolvimento deste projeto tem como base auxiliar o sistema de coleta de óleo vegetal comestível geralmente obtido após praticas domésticas como fritura e cozimento em geral. Pensando nos danos causados pelo óleo vegetal comestível pós-uso, quando descartado de forma incorreta e indiscriminada no meio ambiente optou-se pelo desenvolvimento de um recipiente para filtragem e armazenagem de óleo vegetal comestível pós-uso, devido a sua fácil manipulação e praticidade este recipiente facilitará o dia a dia da dona de casa na coleta de um possível resíduo e encaminhar a reciclagem do mesmo. Através de pesquisa realizada em campo é notório que a ausência da prática de reciclagem não parte somente da falta de informação e conscientização, mas também da falta de uma coleta seletiva que atenda diferentes regiões do ponto de vista social e geográfico. Este trabalho descreve conceitos sobre materiais poliméricos em geral como commodities, materiais de engenharia e materiais de alto desempenho desmembrando desde a estrutura até as suas respectivas aplicações. A importância da escolha do método de processo está diretamente relacionada com a concepção do produto e as condições que o mesmo estará sendo submetido durante a aplicação, por fim o produto desenvolvido será utilizado para coleta individual e realizado pelos moradores de cada residência que por sua vez destinará o resíduo coletado a um ponto fixo pré-determinado que atenda uma área, ex. bairro ou condomínio onde este será encaminhado à reciclagem.

PALAVRA-CHAVE: Reciclagem de óleo vegetal. Polipropileno. Processo de sopro.

SANTOS, Ana Paula dos; MAMEDIO JUNIOR, Expedito; SILVA, Fernanda Cravero Novoa da; SILVA, José Ricardo da; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Desenvolvimento de um composto de poliamida 6 com cinza da casca de arroz para utilização em tampa de motores automotivos. São Paulo: FATEC/ FOC, 2008. 119 p., il.

RESUMO: Os órgãos de pesquisa têm uma participação fundamental na prospecção de novos processos que visam reaproveitar e ou reciclar os resíduos provenientes não só dos processos industriais como os gerados na agricultura e na sociedade civil em geral. Neste sentido, este trabalho procura dar uma contribuição para o aproveitamento do resíduo da casca de arroz que é gerado pelas termoelétricas, um resíduo agrícola que traz sérios transtornos ao meio ambiente quando descartado sem os controles adequados devido aos altos números gerados por essa cultura em todo o mundo. Desenvolvendo um composto de poliamida 6 com cinza da casca de arroz para utilização em tampa de motores automotivos.

PALAVRA-CHAVE: Polímeros. Materiais poliméricos. Casca de arroz. Automotivos. Poliamida-6.

SANTOS, André Tobias dos; CALANTONE, Saulo da Silva; DIDIO, Robert Joseph (Orient.). Influência dos modificadores de impacto M.B.S. nas características de processamento, reologia e resistência ao impacto nos compostos de PVC. São Paulo: FATEC/ FOC, 2006. 88 p., il.

RESUMO: Neste trabalho foram estudadas as características de processamento, de reologia e de resistência ao impacto dos compostos de PVC. Com formulações básicas e que se aproximam dos compostos para embalagens sopradas e termo formadas, foram estudadas estas características com o intuito de compreender os fenômenos que ocorrem quanto ao seu comportamento de resistência ao impacto, haja visto que as formulações "bem dimensionadas" nem sempre apresentam as características esperadas, mostrando assim que a análise do processamento e de reologia são muito importantes para obtenção de características sob impacto excelentes e não só a formulação. O grau de gelificação dos compostos é o responsável pelas boas características sob impacto e sua medida indireta no reômetro de torção mostra que o processamento o determina.

PALAVRA-CHAVE: Polímeros. Reologia.

SILVA, Cicero Benedito da; VIEIRA, Jeferson Roberto; DIDIO, Robert Joseph (Orient.) et al. Desenvolvimento de tampas para cosméticos em PP reforçado com fibra de cana de açúcar. São Paulo: FATEC/ FOC, 2008. 120 p., il.

RESUMO: Os órgãos de pesquisa têm uma participação fundamental na prospecção de novos processos que visam reaproveitar e/ou reciclar os resíduos provenientes não só dos processos industriais como os gerados na agricultura e na sociedade civil em geral. Neste sentido, este trabalho procura dar uma contribuição para o aproveitamento da fibra de cana de açúcar, um resíduo que pode ter sua utilização em segmentos mais diversificados, gerando uma redução considerável de custo e, por se tratar de um bem renovável, ajudar na preservação do meio ambiente. Desenvolvendo um composto de polipropileno com fibra de cana de açúcar para utilização em tampa de cosméticos.

PALAVRA-CHAVE: Polímeros. Compósito. Cana-de-açúcar. Fibras. Polipropileno. Cosméticos.

SILVA, Marivalda Sampaio da; SILVA, Nelson Felix da; OLIVEIRA, Rafael Alves de. Indústria gráfica MNR: impressão em rótulos autoadesivos. Orient. Francisco Antonio PEREIRA. São Paulo: FATEC-FOC, 2015. il., color., 496,87 KB.

RESUMO: O objetivo desse projeto foi desenvolver um plano de negócios de uma indústria gráfica que atuará no seguimento de rótulos e etiquetas autoadesivas. Utilizando o plano de negócios para descrever os principais pontos e quais passos devem ser dados para que os objetivos traçados sejam alcançados. Missão, visão e valores, quais serão os clientes, qual é o público alvo que pretendemos atingir, principais fornecedores e claro, o plano operacional detalhado. Um estudo detalhado de como um planejamento deve funcionar para obtermos uma produção alinhada e mais produtiva. Acreditando sempre que o sucesso de uma empresa é oriundo de sua gestão integrada onde todo o processo funcionará bem de acordo com uma programação eficiente. Partindo do principio de que se tendo um planejamento parar produzir, será mais eficaz. A implantação de um plano de negócios para uma indústria ajudará a identificar sua real necessidade de investimento, expandindo a visão de negócio em todas as áreas, consequentemente, melhorias na gestão e aumento da eficiência e produtividade, assim mostrando uma empresa confiável aos seus respectivos clientes.

PALAVRA-CHAVE: Planejamento. Rótulos.

SIOLLA, Miriam G.; ALCANTARA, Deivid Lima de; SANTOS, Isaias José dos; PANEBIANCO, Nicolino; DIDIO, Robert Joseph; ZILIANI, Marcos Rogério (Orient.). Embalagem plástica para condicionar caixas assépticas cartonadas de um litro de bebida láctea. São Paulo: FATEC/ FOC, 2007. 66 p., il.

RESUMO: Neste trabalho realizou-se o desenvolvimento de uma embalagem em polipropileno para transportar (caixa de embarque) 12 caixas de 1 litro de leite tipo UHT, do produtor para os pontos de venda. O objetivo principal é introduzir no mercado uma alternativa em plástico para a embalagem atual de papelão ondulado. A vantagem do novo produto é a resistência à umidade superior somada a suscetibilidade do papelão ao ataque de fungos, insetos e roedores, um inconveniente para as indústrias de alimentos. Outra etapa do trabalho consistiu no desenvolvimento de uma estratégia para a realização do teste de campo em um produtor de leite UHT, visando obter uma embalagem com as condições especificadas para atender à aplicação. Mesmo considerando que o teste em campo ainda não chegou a ser realizado, a embalagem foi obtida e apresentou a possibilidade de ser uma alternativa à caixa de papelão atual.

PALAVRA-CHAVE: Caixa em polipropileno. Caixa de embarque. Caixa de transporte.

SOARES, Elaine Neves Rodrigues; AURELIANO, Eliana Ferreira; DINIZ, José Mauro (Orient.) et al. Case para assepsia de lentes de contato. São Paulo: FATEC/ FOC, 2011. 91 p., il.

RESUMO: Esta pesquisa tem como objetivo desenvolver um case para armazenagem dos produtos utilizados para realizar a assepsia de lentes de contato de maneira segura diminuindo o risco de contaminação por micro-organismos e lesão ocular. O estudo faz abordagem desde a escolha da matéria-prima, identificando as melhores propriedades para tal aplicação até a distribuição do produto final, sendo composta das etapas de pesquisa de campo (nos direcionando para melhor colocação do produto no mercado), definição do design (para melhor armazenamento dos componentes necessários para realizar a limpeza das lentes), protótipo do produto (para melhor visualização do produto final), análise das características mecânicas (para escolher um polímero que atenda a todas necessidades do produto) e viabilidade comercial.

PALAVRA-CHAVE: Estojo. Assepsia. Lente de contato. Polímeros. Polipropileno.

SOUZA, Aline Benedita Marques de; LIMA, Andrio; DIDIO, Robert Joseph (Orient.) et al. Desenvolvimento de substituição da garra de aço de processo de automação para material polimérico. São Paulo: FATEC, 2010. 94 p., il.

RESUMO: A automação industrial vem crescendo nos últimos anos devido à busca das empresas em obter um bom funcionamento em seu processo, com produtividade, qualidade e segurança. Os empresários estão cada vez mais pressionados pelo mercado com pontualidade e produtos de qualidade. Com isso buscamos diminuir tempo de setup, tempo de máquina em manutenção e custo de fabricação com a automatização do processo. Mas essa automatização pode criar alguns problemas como erro de programação que pode ocasionar em perdas de produto ou equipamento. O foco do estudo é de uma automação em uma peça onde utilizamos uma garra metálica para a colocação de um inserto no molde de injeção; por ser metálica e de alta resistência, pode danificar o molde e até mesmo a garra quando inserida de forma errada, assim fazendo-se necessárias trocas de garra frequentemente. Com a troca dessa garra por material polimérico, contaremos com um material resistente em proximidade ao aço, mas caso ocorra algum erro de programação, a garra quebrará, não causando maiores danos ao equipamento ou à peça que está sendo produzida.

PALAVRA-CHAVE: Automação industrial produtividade. Segurança para os funcionários.

SOUZA, Carlos Eduardo de; PEREIRA, Danice Santos; ZILIANE, Marcos Rogério; DIDIO, Robert Joseph (Orient.) et al. Desenvolvimento de um suporte para micro-ondas para aquecimento de múltiplos pratos simultaneamente. São Paulo: FATEC/ FOC, 2010. 71 p., il.

RESUMO: Devido à grande necessidade da atualidade de adquirir agilidade, praticidade, economia de tempo e energia, houve a necessidade de investir na criação de um acessório para forno de micro-ondas, feito com polímero, que tem como finalidade aquecer múltiplos pratos de alimentos ao mesmo tempo. Porém, para tornar possível este desenvolvimento, foi necessário fazer pesquisas que demonstrassem a viabilidade do produto. Neste trabalho procurou-se desenvolver um produto que atendesse às necessidades atuais, tendo como base a pesquisa de campo e os testes executados no desenvolvimento do projeto. Além disto, foram levantadas informações referentes aos diferentes polímeros, o processo mais adequado para o desenvolvimento do produto, a história e o funcionamento dos fornos de micro-ondas e os tipos de reciclagem.

PALAVRA-CHAVE: Acessório. Polímeros. Micro-ondas.

VIEIRA, Deiverson Silva; ALMEIDA, Francisco Nunes de; DIDIO, Robert Joseph; ZILIANI, Marcos Rogério (Orient.) et al. Suporte para pizzas em material polimérico reciclado. São Paulo: FATEC/ FOC, 2011. 79 p., il.

RESUMO: Vamos apresentar neste projeto um suporte de pizzas, podendo ser usado em refeições onde o espaço é comprometedor, visando facilitar a acomodação de alimentos sobre a mesa facilitando e acondicionando de forma estética, deixando as pessoas mais à vontade durante essa refeição. O suporte de pizzas além de ser funcional, deve contemplar beleza e praticidade de nosso dia a dia. O foco do produto será a área de utensílios domésticos, a princípio vamos nos atentar a cidade de São Paulo, atuando nas vendas de varejo e posteriormente a internet, pois é um mercado que vem tendo um grande crescimento. São Paulo segundo maior mercado consumidor de pizzas do mundo, só é superado por Nova Iorque, além de ser o principal mercado de utensílios para casa no Brasil.

PALAVRA-CHAVE: Suporte para pizzas. Polímeros. Utensílio doméstico.

Voltar

Grupo Oswaldo Cruz
Rua Brigadeiro Galvão, 540 - Barra Funda - São Paulo - SP - Brasil
Tel.: (11) 3824-3660 - Fax.: (11) 3824-3660 - CEP 01151-000
Unidade Angélica: Av. Angelica, 352 - Santa Cecília - São Paulo - SP - Brasil - Tel.: (11) 3825-8344