Nota de Química Industrial no MEC
Foto: Douglas Salles
Curso de Química Industrial recebe nota máxima na avaliação do MEC

O curso de Bacharelado em Química Industrial das Faculdades Oswaldo Cruz recebeu a nota máxima na avaliação do Ministério da Educação (MEC) e do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP). A avaliação é realizada periodicamente para a renovação do reconhecimento e foi conduzida por uma comissão do MEC, que visitou as instalações da instituição de ensino nos dias 25 e 26 de setembro, e resultou na concessão para o curso da nota máxima 5.

“O conceito obtido, com o apoio da direção da IES e funcionários, corrobora o trabalho realizado por um corpo docente muito experiente e por estudantes que se identificam e gostam muito do curso”, destaca a Coordenação do Curso.

A avaliação faz parte do processo do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes) e da regulação dos cursos de graduação no País, que visa garantir a qualidade do ensino oferecido pelas instituições de ensino superior; melhorar a qualidade da educação superior e orientar a expansão da oferta, além de promover a responsabilidade social das IES, respeitando a identidade institucional e a autonomia de cada organização.

A comissão do MEC analisou a organização Didático–Pedagógica, avaliando a organização didático–pedagógica, o corpo docente, discente, técnico–administrativo, as instalações físicas, a estrutura curricular, a capacitação do corpo docente, o regime de trabalho, a titulação e a experiência do corpo docente, além da infraestrutura da escola, principalmente os laboratórios didáticos, a biblioteca, os gabinetes da coordenação e dos professores de dedicação e as salas de aula.

“Nesta avaliação existe um protocolo que é baseado no instrumento de avaliação de cursos superiores do MEC. Este instrumento avalia o curso e o classifica de acordo com três dimensões”, explica a coordenação. “Cada quesito do conjunto de itens em cada dimensão recebe um conceito, de 1 (não atende) até 5 (excelente). O curso obteve na maioria dos itens a pontuação máxima, que eleva o curso a uma condição de excelência de ensino”, acrescenta.

Características do curso de Bacharelado em Química Industrial do Grupo Oswaldo Cruz

O curso de Química Industrial marcou o início da tradição do Grupo Oswaldo Cruz na formação de químicos em nível superior. Sua criação em 1966 utilizou a experiência anterior do Colégio Oswaldo Cruz com o curso Técnico de Química, consolidado na instituição de ensino, sendo responsável por 60% das matrículas de todos os cursos técnicos do país nos anos de 1962 e 1963.

“O curso de Química Industrial do Oswaldo Cruz tem a característica principal de especializar o aluno egresso na atividade industrial da Química”, destaca a coordenação. O profissional formado poderá atuar nas mais diversas atividades associadas com o processo químico – otimização, controle e acompanhamento, experimentos em laboratório e trabalhos em campo.

Com a duração de quatro anos, carga horária total de 3.040 horas e ministrado nos períodos matutino e noturno, o curso de Química Industrial é um bacharelado que possui um conteúdo muito focado em disciplinas tecnológicas, principalmente, nas últimas séries do curso.

  Publicado em: 10/10/2017  por: Egidio Oliveira  
Comentário *  caracteres
Atenção: No final do comentário coloque seu nome e e-mail.


Digite o número acima

      

Unidade Barra Funda

Rua Brigadeiro Galvão, nº 540 - Barra Funda
São Paulo - SP - CEP 01151-000
Próximo ao Metrô Marechal Deodoro
Tel.: (11) 3824-3660 - Fax.: (11) 3824-3660


Unidade Angélica

Avenida Angélica, nº 352 - Santa Cecília
São Paulo - SP - CEP 01228-000
Próximo ao Metrô Marechal Deodoro e
Santa Cecília - Tel.: (11) 3825-8344

Redes Sociais

Selos Institucionais

Selo IES Socialmente Responsável